Buscar
  • Carla Brandão

COMO SE REINVENTAR AOS CINQUENTA ANOS

Atualizado: 8 de Abr de 2019


http://astroclick.com.br/como-se-reinventar-aos-cinquenta-anos/

#quemmandaaquisoueu #doecoragem


No dia 14 desse mês criei um grupo de whatsapp para reunir pessoas que querem receber mensagens para dias mais corajosos. Pensei em fechar o grupo para somente o administrador postar conteúdo, mas arrisquei na possibilidade da interatividade e adorei. Logo de cara, a Lilly Martins dá uma sugestão de tema a ser abordado: como se reinventar aos cinquenta anos.


Esse assunto é muito interessante, ainda mais se considerarmos a projeção divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em julho do ano passado, que mostrou que a expectativa de vida do brasileiro alcançou a maior média da história. A nossa longevidade chegou aos 76 anos, dando um salto de 22 anos em relação ao registrado na década de 1960, quando a média chegava a 54.





Então, hoje em dia, para muitas pessoas, ter cinquenta anos representa recomeçar. Essa idade, anos atrás, era associada a cabelos brancos e fofos, bem como uma senhora fazendo tricô em uma cadeira de balanço, por exemplo. Hoje, mulheres e homens nessa idade repensam as próprias trajetórias e renovam expectativas para o futuro, afinal, há pelo menos mais 26 anos pela frente.


Vamos ao tema: reinventar significa, em tese, reiniciar algo a partir do que já existe. Então, não vale a pena desintegrar quem somos, achar que nossa história não merece aplausos ou ruir em desânimo. Para refazer algo é preciso estratégia e conhecimento, itens que só o tempo concede.


Se os cinquenta são considerados os novos quarenta, então é hora de viver, mas com equilíbrio, foco e constante avaliação da rota. Partindo dessa lógica, recriar uma nova persona requer rever os sonhos deixados de lado, as vontades guardadas na gaveta e ouvir a voz interior.


Quanto mais der medo e não controlarmos esse sentimento, mais atrasados chegaremos ao resultado de nossa reinvenção. É como se estivéssemos em uma prova de atletismo, correndo os 100 metros, onde o tempo é curtíssimo e, ao invés de mirarmos na linha de chegada, ficarmos olhando para os lados, observando a plateia e os adversários. O resultado, certamente, não será a vitória.


Portanto, a reinvenção em um momento que antes parecia o fim, requer metas claras e olhar focado. A comparação, a sensação de velhice, a atenção voltada para o passado e a ansiedade em relação ao futuro deixarão o cinquentão bem distante do melhor que a idade pode proporcionar: saber chegar onde se quer com experiência.


A regra é clara, tudo o que pensamos que somos se torna realidade. A reinvenção começa dentro da nossa cabeça, ativando os melhores sonhos diariamente, acreditando no poder que temos por estarmos vivos e fechando os ouvidos para todos os ruídos que nos desviam da inovação.


Reinventar requer analisar o material que se tem e não destruí-lo. Para os cinquentões do outro lado da tela, recomendo não se desmerecer e jamais se entregar ou se abalar com a rapidez dos mais jovens. Velocidade é uma questão de treino. Os itens mais importantes para qualquer atleta de alta performance são o ritmo e a constância.


Enquanto muitos ficam pensando no que os outros vão pensar, há muita gente com mais de cinquenta que já está experimentando novos sabores, novos amores, novos lugares, novos hábitos, novos argumentos, novas tecnologias e novos aprendizados. Devem estar pensando o que vão fazer de diferente quando tiverem sessenta anos.





Carla Brandão Comunicadora por opção. Jornalista por profissão. Especialista em desenvolvimento humano por vocação. Pensamentos transformadores, evolução e treinamento. Visão divertida sobre automotivação, administração do tempo, melhoria contínua e inovação. Life Coach e Palestrante com foco na transformação da vida em uma fonte de aprendizado e felicidade! Autora do livro #DoeCoragem – Manual Divertido de Viver o Agora. email: carla@acommunica.com.br

11 visualizações

Imersão Poder 240

 Palestra

 Workshop

Livro

 

  • Espaço Carla Brandão
  • instagram
  • LinkedIn

@2018 carlabrandao.net