Buscar
  • Carla Brandão

FAXINA NA ALMA

http://astroclick.com.br/faxina-na-alma/





Quem vai, quem vai? Oportunidade da estação! Última chance, nesse domingo! Fácil de obter e vai render para o ano todinho!


Se fosse uma campanha de marketing das antigas eu diria que: é pegar ou largar!


Estou falando da Páscoa, momento bom para algo que fazemos menos do que deveríamos: faxina na alma! Pela lógica, escovamos os dentes e tomamos banho diariamente. Mas, o mesmo não ocorre com o que não aparece. Já que dá para esconder, vamos deixando de lado, igual quando vai visita em casa. É aquela correria para guardar tudo, limpar e organizar o que vamos largando pelo caminho.


Pois bem, esse domingo é só um pretexto, uma oportunidade de ocasião mesmo, independente de religião. É a Páscoa! Conforme sabemos é um momento que marca a ressurreição de Jesus Cristo, o que simbolicamente, nos convida ao mesmo.


Que tal nesse dia, aproveitar a chance e encarar o convite que é feito pela tradição? Confie na sua intuição, não contrate faxineiros, não terceirize o serviço e comece a limpeza. Tire da mente subconsciente um monte de crenças que só limitam a sua evolução. Rejeite, definitivamente, o que produz medo, preguiça, preocupação e, principalmente, rabugice.

Uma lei iniciática indica que um estado caótico externo indica que o mesmo ocorre na mente de uma pessoa. Organizar a vida pode ser uma boa forma de iniciar esse processo. Outra ação que pode contribuir para se livrar do hábito de ser chato é se colocar no lugar do outro: a famosa empatia.


Um exemplo: quem gosta de dirigir enquanto outra pessoa fica do lado dando comandos o tempo todo: freia, vai devagar, olha para o retrovisor, calma, agora acelera. Isso é muito chato! Então, se você fosse o motorista ou se imaginasse nessa posição, iria gostar? Aposto que não!!!!


Então, o simples fato de inverter os papéis já dá uma consciência que chega a doer em alguns casos.


Uma última dica para renovar a mente: esqueça a opinião alheia. Você não é o que os outros pensam. Você é o que pensa que é. Toda vez que der vontade de sucumbir e perder energia por conta desse comportamento, faça o que a psicóloga de Harvard, Amy Cady expandiu para o mundo: a sua linguagem corporal molda quem você é. Ela sugere que o simples fato de mudarmos nossa postura, por dois minutos, estufando o peito e colocando as mãos na cintura, similar à Mulher Maravilha, muda a convicção que temos e o que mostramos ao mundo. Faça o teste… é outra pechincha!


Por fim, nesse carrinho, vale uma última oferta, de última hora, para que sua Páscoa seja cheia de COM. Compaixão, compartilhamento, comunhão, companhia. Esse é o tema do próximo texto, mas adianto aqui. O que levamos da vida não é o que fazemos para… é o que fazemos com…




Carla Brandão Jornalista formada, pós-graduada, life coach certificada pela SBCoaching, palestrante motivacional e professora universitária. Estuda neurolinguística, mindfulness, meditação e psicologia positiva há dez anos. Autora do livro #DoeCoragem - Manual divertido de viver o agora.

0 visualização

Imersão Poder 240

 Palestra

 Workshop

Livro

 

  • Espaço Carla Brandão
  • instagram
  • LinkedIn

@2018 carlabrandao.net