Buscar
  • Carla Brandão

SILÊNCIO.DOC


foto: Andréia Brandão

Tinha pensado um tema para hoje, que seria respiração. Mas um fato, no sábado, mudou o rumo desse artigo. Fui assistir ao monólogo “Silêncio.doc”, porque vi uma amigona indicando no Instagram dela. Falou tão bem que me empolguei e ainda levei minha irmã, meu cunhado e uma outra amiga comigo. O espetáculo começa e eu penso, que coragem desse ator, encarar essa plateia sozinho em um teatro que é uma espécie de Arena (Quem conhece o Tucarena, em São Paulo?).


A narrativa começa e eu me mexo na cadeira, afinal, era algo diferente. Parecia chato, mas, aos poucos, o ator conquista um por um naquele lugar. Quando percebo, até meu cunhado, meio sério, se rendia ao carisma do cara.


Tudo não passa de texto e atuação, contando a história de sentimentos após uma separação. Marcelo Várzea, ator que também escreveu o texto, fez da história dele algo universal. E pior, vi na minha frente como uma separação conjugal deixa o universo mental de um ser humano.


Especialistas dizem que escrever sobre a dor libera espaço para o entendimento de uma separação. Pode ser, quem já sofreu com isso, como eu, sabe. A gente tem dois caminhos, seguir em frente ou se entregar ao sentimento de frustração e fracasso. A trajetória é duríssima.


Costumo dizer que a gente entrega uma procuração para outra pessoa dizendo que deixa nas mãos dela a responsabilidade de nos fazer felizes, realizados, completos e, é claro, que damos essa autorização para a pessoa errada. Só quando entendemos que essas questões só dependem de nós mesmos a coisa anda... e como num passe de mágica, voltamos a ver o mundo colorido de novo.

De uma coisa tenho certeza, um monte de gente volta a dar novas procurações. E tudo passa a ser um belo círculo, vicioso. Mas, quando o silêncio, título da peça, se torna algo bom, motivado pela autoescuta e pela autorresponsabilidade... temos a chance de encontrar alguém igual e é aí que está a chave para uma vida a dois bemmmmmm bacana.


Obrigada Marcelo, como falei no bate-papo final, aqui estão minhas impressões sobre seu belíssimo trabalho, que é uma lanterna que pode servir para qualquer pessoa refletir sobre esse estado de letargia pós-separação e uma mola para mirarmos na chave que está brilhando, esperando que a gente faça nossa parte. Você já fez a sua. Muito obrigada.


Carla Brandão Comunicadora por opção. Jornalista por profissão. Especialista em desenvolvimento humano por vocação. Pensamentos transformadores, evolução e treinamento. Visão divertida sobre automotivação, administração do tempo, melhoria contínua e inovação. Palestrante com foco na transformação da vida em uma fonte de aprendizado e felicidade! email: carla@acommunica.com.br

35 visualizações

Imersão Poder 240

 Palestra

 Workshop

Livro

 

  • Espaço Carla Brandão
  • instagram
  • LinkedIn

@2018 carlabrandao.net